Joy Freitas: Novembro 2015




Receitas de Festa: Queijadinha

Olá pessoal, tudo bem?

O video de hoje mostra como preparar um doce que faz muito sucesso nas festinhas lá da minha família. Todo mundo adora e acaba rapidinho.
Já vi que tem muitas receitas diferentes espalhadas pela net mas não encontrei nenhuma igualzinha a nossa, então confere aqui os ingredientes e o vídeo para ver como preparar.

Você vai precisar de:
01 lata/caixa de leite condensado
01 colher de sopa de açúcar
01 colher de sopa de manteiga/margarina
01 coco ralado ou 300g
04 ovos
Rende em média 25 forminhas

Confere o preparo no vídeo:

Não esquece de deixar seu gostei lá no vídeo e me contar se você experimentou e gostou da receita.

Um bjo e até o próximo post!


Água Termal - Frescura ou Utilidade?

Olá pessoal, tudo bem?

O post de hoje é para falar sobre um produto que divide opiniões: a água termal.
Conheço pessoas que consideram uma grande frescura e outras que não vivem sem ela.

A primeira vez que tive contato com Água Termal foi através de um ex chefe querido que havia trazido da França e me apresentou a essa maravilha num trabalho de campo que estávamos fazendo em uma cidade da Bahia na qual estava fazendo um calor terrível e o objetivo da água naquele momento era refrescar.
Claro que sendo francesa e sendo meu chefe uma pessoa muito chic rsrs me interessei logo em saber mais detalhes e foi aí que descobri os benefícios do uso dessa "águinha mágica".

Daí você me pergunta: quais o benefícios? Não é só uma água, Joy?
Pois bem, não é uma simples água, vou te explicar.

O que é?
Basicamente é uma água enriquecida com compostos minerais devido a sua forma de extração feita a partir de solos rochosos.

Quais os benefícios?
Ela é importantíssima aliada para acalmar, refrescar, hidratar e prevenir o envelhecimento precoce da pele.
Por conta das substâncias encontradas na Água Termal como ferro, zinco, silício e selênio ela tem poder antioxidante e anti-inflamatório, e segundo informações dos dermatologistas que aprovam o uso da Água Termal ela pode ser usada na sua rotina de limpeza e hidratação pois fazem com que os produtos penetrem mais facilmente na pele.

Como e quando usar?

Hidratação: quando sua pele ficar muito tempo exposta a situações de ressecamento como em ambientes com ar condicionado ou ar seco.

Refrescar: quando estiver num ambiente de muito calor e agitação borrifadas da água termal vão ajudar a acalmar a pele e dar uma refrescada que é um alívio impossível de descrever.

Tonificar e Cicatrizar: ela ajuda a diminuir vermelhidão e a irritação da pele pois tem propriedades cicatrizantes. Além de ajudar a fechar os poros naturalmente.

Proteção: ela cria uma textura na pele, como uma película protetora que te salva de muitos agentes poluentes que acabam com a pele no dia a dia e ajuda também na fixação da maquiagem.

Como eu uso?
Eu costumo usá-la sempre a noite no rosto antes da aplicação do hidratante e também antes do preparo da pele para maquiagem.

Quanto custa?
Claro que com todos esses benefícios ela não é um item barato, porém uma garrafinha dura bastante tempo mesmo usando diariamente. Comigo a garrafa de 150g dura de 3 a 5 meses.
Atualmente estou usando a água da marca Vichy e já usei também da La Roche. Ambas custam o mesmo valor nas farmácias Panvel R$ 59,90, a embalagem com 150g como da foto acima.
Vou deixar aqui imagens das três marcas que eu já usei, sendo que a Avène foi apenas quando experimentei, mas não vejo diferença de qualidade entre elas.




Obviamente que mesmo com todos esse benefícios a Água Termal não é um item indispensável na sua necessaire, ainda mais com a crise atual. Se tiver que escolher entre os produtos essenciais e a água termal, com certeza ela vai continuar na prateleira. Entretanto, a intenção desse post é desmistificar a impressão que algumas pessoas tem de que é uma água como outra qualquer e esclarecer possíveis dúvidas de quem nunca usou ou não conhecia sua utilidade.

E se você usa ou tem alguma dúvida sobre o assunto, escreve aqui nos comentários para descobrirmos juntas.

Um bjo e até o próximo post!



Resenha: Máscara Turbo 5.0 Eudora


Olá pessoal, tudo bem?

Como o título já diz a resenha de hoje é sobre a Máscara de Cílios Turbo 5.0 Eudora Soul.
Gente, faz muito tempo que ouço falar dessa máscara mas mesmo sabendo que ela estava fazendo sucesso demorei para comprá-la.

Daí que há um mês mais ou menos eu resolvi testar e me arrependi de não ter experimentado antes. É incrível como ela funciona e atende tudo que promete: ser fácil de aplicar, dar mais volume e curvatura, e também mais definição e alongamento. Milagre? Parece mesmo, mas é de verdade.


O aplicador tem cerdas super finas e siliconadas, e ele é o grande responsável por boa parte desses efeitos todos. É super fácil de aplicar e deixa os cílios bem penteados e separados, ou seja, sem empelotar. Ele facilita a aplicação da máscara da raiz até as pontas e a extremidade mais fina facilita a aplicação nos fios bem do cantinho dos olhos.



Um conselho: se você tiver outras máscaras em estoque não compre essa máscara por enquanto pois com certeza não usará nenhuma das antigas depois que experimentá-la. Tenho mais umas quatro máscaras de marcas diferentes aqui que estão esquecidas na gaveta porque só quero usar essa agora.

E a melhor parte é que ela está na lista das máscaras de preço amigável. O preço normal através das revendedoras Eudora ou na loja online é R$ 27,99.

E você, tem uma máscara queridinha para indicar? Já experimentou essa? Me conta aqui nos comentários.

Um bjo e até o próximo post!



Cabelos: Tutorial - Trança Espinha de Peixe


Olá pessoal, tudo bem?

Hoje o post mais uma vez é com vídeo, onde vou mostrar para vocês como eu faço a Trança Espinha de Peixe no meu cabelo. Não é difícil e fica super estilosa.
Confere o vídeo e me conta lá nos comentários se você gostou.





Espero que tenham gostado e não esquece de deixar seu joinha no vídeo!

Um bjo e até o próximo post!


Look - Camiseta com Strappy Top


Olá pessoal, tudo bem?

No último final de semana ocorreram alguns coquetéis de inauguração de mais lojas no novo shopping que abriu aqui em Rio Grande, o Partage Shopping.
Na sexta-feira eu e a Tanara, do Blog Tanara Hormain marcamos presença no coquetel do Yuk Concept Hair e da Loja Maria Chiquinha e para essa noite que começou ainda com o sol claro eu escolhi um look leve porém com um toque de glamour, já que o evento se estendia até mais tarde.


Foto: Tanara Hormain
O Strappy bra, ou strappy top, ou seja, sutiã com tiras é uma peça tendência que eu já estava doida para usar mas estava na expectativa do tempo esquentar e finalmente esquentou.
Foto: Tanara Hormain
A camiseta foi um achado bem ao acaso, pois quando comprei o strappy nem tinha uma peça adequada para usar exibindo-o como deve ser, e passando um dia pela Gang dei de cara com esse modelo super cavado, com as costas de fora e foi amor a primeira vista.


Para completar o look um calça básica e sandália com salto confortável para circular a vontade.
[Camiseta, bolsa e bijoux: Gang | Calça e Strappy Bra: Colcci | Sandália: Ivete Sangalo | Óculos: Ray ban]

As fotos em casa foram feitas por minha filha e fotógrafa oficial: Duda Castelo, e as fotos no shopping pela Tanara. Acompanhem o trabalho dela pela página: TH - Marketing e Fotografia.

O que acharam do look? Me conta aqui nos comentários.

Um bjo e até o próximo post!


7 Dicas para quem trabalha em casa


Olá pessoal tudo bem?

Esses dias estava conversando com minha amiga e blogueira Tanara Hormain, do blog de mesmo nome e falamos sobre a dificuldade de organização de uma rotina de quem trabalha em casa, daí me surgiu a ideia de escreve um post sobre isso.

Por razões do coração (ownnnn!) eu optei por deixar meu emprego formal há quase dois anos para acompanhar meu esposo que foi chamado para trabalhar em outra cidade e com isso acabei preenchendo meu tempo com outras atividades que dão bastante trabalho também mas que me permitem tempo e flexibilidade de ficar em casa.

Estou estudando fotografia, sou representante de uma marca de cosméticos e também reativei minhas atividades com o blog, como alguns de vocês já sabem. Claro que tudo isso aliado com as atividades de dona de casa e mãe, ou seja, se não tiver uma pequena organização e disciplina para administrar todas as ocupações, acaba que nada sai bem feito. Então minhas dicas para não bagunçar a vida quando se tem tarefas muito distintas e pretende associar o trabalho em casa às tarefas domésticas são as seguintes:

1. DEFINA UM LOCAL DE TRABALHO
Se você optou por uma atividade autônoma que te permite trabalhar em casa, mesmo não tendo que se deslocar para um escritório externo, saiba definir um local em sua casa que seja seu local de trabalho. Mesmo que todo seu trabalho se concentre no notebook é importante ter um espaço que lhe ofereça conforto e as ferramentas necessárias para o desempenho do seu trabalho, evitando distrações e fadiga.


2. CRIE UM AMBIENTE INSPIRADOR
Ok, você já tem um local específico para trabalhar, então deixe ele da maneira que mais te agrada, afinal você não depende do chefe ou da empresa para autorizar isso. Se objetos coloridos te inspiram invista neles, mas se você se sente melhor em um ambiente sóbrio ou moderno, opte por esse estilo na escolha de móveis, objetos e decoração. Ou seja, faça do local escolhido um espaço onde você sinta-se bem e inspirado, afinal para quem trabalha em casa o rendimento financeiro depende totalmente de sua produção, então quanto mais horas você estiver disposto a trabalhar melhor e para isso é bom que seu ambiente lhe motive.


3. FAÇA LISTAS
Tenha sempre anotado uma lista de tarefas que tem a cumprir e vá eliminando a medida que for executando. Faça listas com metas a longo prazo dos seus objetivos maiores, sejam eles pessoais ou profissionais mas principalmente tenha metas definidas também para as tarefas simples e diárias que você deve executar. Assim além de poder organizar melhor sua rotina será mais fácil cumprir os prazos que você estabeleceu com seus clientes ou com você mesmo.

4. VISTA-SE PARA TRABALHAR
Não é porque você não tem que sair de casa que precisa passar o dia todo de pijama. Para algumas pessoas isso pode não influenciar muito mas em geral cuidar da aparência e se arrumar para trabalhar evita o relaxamento e aumenta o comprometimento com as tarefas profissionais. Caso você costume receber clientes em casa mais uma razão para manter uma aparência adequada ao seu ramo de trabalho e demonstrar uma postura mais profissional.



5. ESTABELEÇA HORÁRIOS
É interessante que você tenha um horário ao qual vai se dedicar a sua atividade profissional e o horário que utilizará para tarefas domésticas. Se você além do trabalho remunerado, cuida também das atividades domésticas, defina os dias da semana para executar cada uma delas. Exemplo: lavar roupas todas as terças, ir a feira livre aos sábados, fazer mercado uma vez por mês...enfim, tenha definido o tempo que será utilizado para o desempenho de suas tarefas rotineiras, igual quando você faz orçamento doméstico e define custos fixos e custos variáveis. Nesse caso me refiro a ter um dia/data fixa para aquelas tarefas que são inadiáveis, que você terá sempre que fazer diariamente, semanalmente ou até mensalmente. Assim você consegue definir qual o tempo livre que você terá para encaixar aquelas que não sejam frequentes, ou até saber o tempo que irá sobrar para seu lazer.
Mas lembre-se, isso é algo pessoal e pode não funcionar com todas as pessoas, tem gente que funciona melhor com horários rígidos de trabalho mas tem outros que precisam de liberdade para deixar a criatividade aflorar. Veja o que funciona melhor para você, tente descobrir qual período você se torna mais produtivo, seja ele pela manhã ou na madrugada.

6. DEIXE CLARO PARA TODOS
É importante deixar claro sua rotina de trabalho para as pessoas com quem você mora, e até amigos que você convive com frequência. Por exemplo, se você definiu o horário e local do seu trabalho, conte para todos por exemplo que quando você está naquele ambiente não deve ser importunado(a) com questões que não digam respeito ao seu trabalho. É importante que sua rotina profissional não seja interrompida por suas atividades domésticas ou interferências externas como por exemplo os amigos chamando no whats app, facebook etc.

7. RECEBA CLIENTES EM UM ESPAÇO IDEAL
No seu ramo de atividade é preciso atender clientes pessoalmente? Se sim, tenha um lugar específico para isso. Reserve um cômodo onde você possa receber seus clientes sem que eles tenham contato com seu ambiente doméstico. Se isso não for possível em sua residência, procure marcar em locais externos mas que permitam a manutenção do seu perfil profissional a exemplo de cafés, bibliotecas ou até mesmo espaços próprios para negócios como a locação de um escritório coworking.
Foto: escritório "Nós Coworking" em Porto Alegre-RS
E UMA DICA EXTRA:
Normalmente as pessoas que optam por trabalhar em casa tem como ponto positivo o fato de poder fazer seu próprio horário e criar sua rotina de forma bem personalizada, então apesar de um trabalho em casa exigir mais disciplina e foco, para que seu desempenho seja adequado é importante sempre ter em mente que você optou por isso para ter mais liberdade e fazer o que você gosta.
É importante seguir dicas se você precisa de ajuda para se organizar, mas é essencial saber definir quais realmente combinam com seu perfil. Seja flexível e crie suas próprias regras se necessário for, desde que elas sirvam para lhe ajudar no desempenho do seu trabalho e qualidade de vida.

E essas foram algumas dicas que para mim são relevantes, se você tiver alguma dica que funciona com você e quiser compartilhar comigo e todos que visitam o blog, escreve aqui embaixo nos comentários que vou adorar saber.

Um bjo e até o próximo post!

Desafio Méliuz | Culinária


Oi pessoal, tudo bem?

O post de hoje é para divulgar o vídeo da primeira seletiva do Desafio Méliuz, que eu já contei para vocês em um outro post. Se você não viu, clica aqui para conferir.

Dessa vez o objetivo foi criar um vídeo seguindo um roteiro criado pelo desafio, onde devemos preparar uma receita prática, rápida e criativa para nos salvar naquele momento em que chega uma visita inesperada em casa ou mesmo aquele jantar que você tinha marcado mas só lembra de preparar faltando meia hora para a visita chegar.

Eu preparei a receita de um Macarrão de Panela de Pressão, que é super salvadora aqui em casa quando estou sem tempo ou chega alguém sem avisar, mas não vou escrever aqui a receita. Clica no vídeo abaixo pra conferir que o vídeo está bem legal.


E mais uma vez preciso pedir a ajuda de vocês nesse desafio. Se você quiser me ajudar e contribuir para o Canal do Youtube crescer e se tornar mais profissional, clica nesse link: VOTE AQUI e deixa seu voto. É bem simples e rápido, basta está conectado ao facebook que são só dois cliques.

Obrigada desde já.

Um bjo e até o próximo post!



Look - Vestido Floral + Colete Jeans

Olá pessoal, tudo bem?

Finalmente a primavera chegou por aqui, pois é...quem acompanha sempre o blog já viu por aqui vários posts de looks onde eu conto que o clima onde eu moro não estava me deixando usar roupas de primavera porque só chovia e fazia frio.

Eis que essa semana o tempo começou a abrir, o Sol está aparecendo e a chuva deu uma folga. Ainda temos uns dias com vento friozinho, mas já deu para por as pernocas de fora. Vamos ao look?


A combinação vestido floral com colete jeans sempre resulta em look romântico e feminino e para completar não precisa muito exagero nos acessórios nem calçado, eu optei pela sapatilha mas poderia usá-lo também com uma rasteirinha.

Mesmo a sapatilha tendo uma estampa floral a mistura com as flores do vestido se manteve harmônica pois o fundo marrom deixa ela bem discreta e casou bem com a bolsa também marrom.


O colete jeans já virou um queridinho no meu guarda-roupa e quero combiná-lo com todos os meus looks. Achei que ele deu um charme ao vestido além de proteger as costas do ventinho frio que tava batendo por lá.
Eu adorei porque nesse dia estivemos na FURG, a Universidade Federal aqui de Rio Grande, e eu achei que o cenário super combinou com o look.

Gostaram do look? Comenta aqui embaixo para eu saber o que acharam.

Um bjo e até o próximo post!


Dica de Viagem: Barra Grande/Maraú


Olá pessoal, tudo bem?

Está chegando o verão e com ele a vontade de curtir várias praias e lugares paradisíacos, e quando se trata de paraíso um lugar não pode ficar fora de sua lista de desejos: a Península de Maraú.
Já faz algum tempo que estive por lá (Reveillon 2013/14), mas é um lugar ao qual sempre estou me referindo quando os amigos me perguntam sobre lugares maravilhosos na Bahia, aliás, algo nada difícil de encontrar pois lugares maravilhosos não faltam por lá, mas Maraú é a definição perfeita para o que chamamos de paraíso.

Se você procurar pelo Google encontrará vários nomes que fazem referência a região: Barra Grande, Maraú, Península de Maraú e Taipus de Fora. Esse último inclusive é o nome de uma das praias que sempre é citada no Guia 4 Rodas entre as 10 praias mais bonitas do brasil e é a mais pura verdade.

Onde fica?
Maraú fica na Costa do Dendê, no Sul da Bahia, a cerca de 200km de Salvador.

Como chegar?
De avião o aeroporto mais próximo fica em Ilhéus e de lá precisa ir via terrestre que são mais 150km.
De carro saindo de Salvador é possível ir de Ferry Boat até a Ilha de Itaparica e de lá pegar a BA-001 até a cidade de Camamu de onde você pode pegar um barco e fazer a travessia até a vila de Barra Grande ou contornar a Baía de Camamu pela estrada até chegar na BR-030 que é uma estrada de terra.
De ônibus, partindo de Salvador tem a empresa Águia Branca que leva até Camamu de onde precisa atravessar de barco até Barra Grande.

Vale ressaltar que nós fizemos o trajeto completo via terrestre e pegando a estrada de terra pois como estávamos indo acampar preferimos ir de carro até lá por conta de toda a bagagem, barraca etc. Porém a minha dica é: só vá de carro se você tiver um carro desses off-road, 4x4, etc, pois o tráfego por toda penísula com um carro comum vai te dar um trabalhinho e exigir muita habilidade de direção para não ficar atolado na areia pois não existe nenhum tipo de pavimentação em toda região e as ruas são cobertas por areia fofa.

Onde se hospedar?
Como já disse nós acampamos nessa viagem e essa é uma característica forte da região, existem muitos campings com estrutura básica de banheiro, segurança, energia. Se você assim como nós, for iniciante nessa modalidade de acampar, não vai passar sufoco, além de poder desfrutar de paisagens bélissimas podendo acordar e sair da barraca já com o pé na areia.
Não tenho indicação para fazer de hotel mas pude ver que existe hospedagem para todos os gostos, desde as mais simples até resorts muito chics onde muitos globais se hospedam.

O que fazer?

Passeio pelas 5 ilhas

Quando você chega na vila de Barra Grande facilmente encontra vários vendedores de agências oferecendo passeios pela península. Um deles é o passeio de escuna para conhecer as 5 ilhas, que são as ilhas que se localizam na parte interna da Baía de Camamu, entre a ponta da penísula e o continente. Não deixe de fazer, é maravilhoso. Um dos pontos altos é a parada para banho e visita a Ilha da Pedra Furada, onde reza a lenda que o casal que passar pela pedra furada nunca mais vai se separar...é claro que nós fizemos isso né?
O passeio dura um dia inteiro e há paradas em restaurantes de outras ilhas para refeição, além de venda de lanches e bebidas na embarcação.


Mergulho nas piscinas naturais de Taipus de Fora
Essa é a praia mais famosa e sua fama se justifica. Água morna, cristalina e calma com a chance de você mergulhar e ver vários peixinhos rodeando seus pés.
É possível alugar na praia mesmo o colete e máscara para mergulho superficial, ou até mesmo equipamento profissional para mergulhos mais profundos. Eu só fiz o mergulho superficial.
É preciso se informar sobre os horários da maré, pois as piscinas naturais ficam visíveis e possibilitam o mergulho quando a maré está baixa. Reserve um dia inteiro para aproveitar essa praia, assim você aproveita desde a maré baixa até a maré encher.
Mergulho com a maré baixa em Taipus (Foto: Guia QV)





Mergulho noturno

Esse já é um passeio mais radical, só para os fortes...mas parece muito legal. Meu esposo fez e disse que é maravilhoso e ao mesmo tempo super estranho conhecer as criatura marinhas a noite, mas que dá uma sensação um pouco aterrorizante o silêncio e a escuridão do mar a noite. Infelizmente tivemos problema com um das GoPro no dia e perdemos as imagens desse mergulho. Vou ficar devendo!

Vila de Barra Grande
Na vila é possível comprar artesanato, assistir apresentações musicais e desfrutar de várias comidinhas. A vila é bem rústica e bucólica e isso dá todo charme.


Onde comer?
O forte da península obviamente são comidas a base de frutos do mar, mas para quem não gosta é possível encontrar pizzarias, lanchonetes, comida italiana..enfim, uma variedade de outros sabores. A maioria dos restaurantes e bares se localizam na vila de Barra Grande que é o point noturno da península.
Durante o dia também tem muitos lugares legais e o forte mesmo são os bares e restaurantes a beira mar com sombra e uma vista maravilhosa de toda ponta do Mutá.
Na Ponta do Mutá, inclusive você pode comer lagosta por um preço bem mais amigável, porém precisa chegar cedo. Nós estávamos lá num período de alta estação e quando chegamos para almoçar já não tinha mais lagosta.

Em uma das noites nós jantamos no restaurante A Tapera que além da comida deliciosa tem uma ambiente extremamente charmoso.


Em Taipus de Fora:  Existem duas grandes barracas que na verdade são restaurantes na beira da praia que oferecem ótima estrutura para os clientes que ficarem nelas. Nós ficamos no Bar das Meninas e o lugar é extremamente aconchegante, com cadeiras para tomar sol, banheiro limpo e organizado, e até uma tenda com massagista para quem quiser pagar pelo serviço, além de comida deliciosa.

Dica 1: Para quem já foi em Morro de São Paulo e Porto Seguro, pode perceber que o local tem algumas semelhanças em relação a rusticidade e charme. Entretanto tem uma estrutura de turismo um pouco mais tímida e por isso mesmo é considerado um refúgio de simplicidade e paz, por ser um lugar um pouco menos explorado comercialmente.
Dica 2: Pode ser vantagem para uns ou desvantagens para outros mas o sinal de celular é muito difícil por lá, geralmente só pega bem na vila de Barra Grande. O 3G só com muita sorte, daí se você não consegue se desligar mesmo do mundo virtual só caçando uma hospedagem ou restaurante onde tenha wi-fi, mas se você sonha com um paraíso onde pode realmente descansar do resto do mundo, esse é o lugar.

Maraú é considerada a Polinésia brasileira, por conta de sua imensa beleza, do povoado simples e águas exageradamente transparentes, por isso se você tiver uma oportunidade de conhecê-la, agarre com unhas e dentes pois não irá se arrepender.





Um bjo e até o próximo post!

P.S.: Não sou profissional de turismo. Todas as dicas são baseadas em minhas experiências pessoais. Garanto que nesse post não tem nem metade das possibilidades de coisas legais que podem ser feitas por lá. Se você precisar de mais informações não deixe de visitar sites especializados no assunto. Vou deixar aqui alguns que me ajudaram na escolha dessa viagem: Férias Brasil e Barra Grande

DIY - Enfeites de Natal


Olá pessoal, tudo bem? 

Não se espantem com o tema, pode até parecer que está longe mas o Natal já está batendo a nossa porta. Basta dar uma circulada nas lojas, mercados ou shoppings para perceber que o clima de Natal já se instaurou no ar.

E faz todo sentido pois dizem que devemos arrumar a árvore de Natal no dia 6 de novembro e desarmar no dia 6 de janeiro no chamado Dia de Reis.

Tradições a parte eu sou a louca da decoração natalina... Declaradamente apaixonada por Natal! Então antecipei um pouco minha decoração por aqui para dar tempo de fazer um vídeo mostrando alguns enfeites que dá para fazer em casa, economizar e ainda dá um toque personalizado para sua decoração.

Confere o vídeo que foi feito com muito carinho pra essa época que eu considero tão especial.


E também algumas fotos do resultado:









Ah... Vou deixar aqui a lista de alguns materiais e onde encontrá-los. Aqui em Rio Grande eu tive dificuldade de achar alguns materiais por não ter loja grande especializada em artesanato como a Le Biscuit na Bahia, por exemplo. 
> Os tecidos de patchwork encontra-se em lojas de tecidos;
> Fitas de cetim e alfinetes em lojas de aviamentos;
> Bolas de isopor em papelarias;
> As fitas aramadas deveriam ter nas lojas de aviamentos mas aqui onde eu moro só encontrei numa loja de decoração e presentes, a Belloninho onde inclusive a proprietária é uma gentileza de pessoa.

Espero que tenham gostado e não esqueçam de deixar o gostei no vídeo E compartilhar com seus amigos.

Um bjo e até o próximo post! 



Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *