Joy Freitas: O fluxo eterno das coisas




O fluxo eterno das coisas

Assistindo a novela A Vida da Gente, que eu quase não assisti ao longo dos capítulos, mas que o final está tão belíssimo quanto me pareceu a novela inteira nas poucas vezes que vi.
E com chave de ouro aparece um personagem citando trechos tão extraordinários como esses abaixo:
Ninguém entra no mesmo rio uma segunda vez, pois quando isso acontece já não se é o mesmo, assim como as águas que já serão outras.
O fluxo eterno das coisas é a própria essência do mundo e se ainda hoje ficamos espantados com isso é porque nos apegamos teimosamente ao que já passou esperando no fundo que tudo permaneça igual. (Heráclito)
O mais importante e bonito do mundo é isto, que as pessoas não são sempre iguais, ainda não foram terminadas, mas que elas vão sempre mudando, afinam ou desafinam, verdade maior é o que a vida me ensinou. (Guimarães Rosa)



Comentários do Facebook
0 Comentários do Blogger

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião me interessa! Obrigada!



Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *