Joy Freitas: Assalto no Boulevard Shopping Feira da Santana




Assalto no Boulevard Shopping Feira da Santana

por Joy Freitas

Nunca vi ser noticiado nada sobre isso em nenhum veículo de comunicação da cidade e acho um absurdo saber que o que ocorreu comigo hoje, pelos relatos que ouvi não é novidade. Por isso gostaria de compartilhar para que seja feito um alerta à população.
Hoje, por volta das 12:30h, fui assaltada na entrada do Boulevard Shopping, não foi na rua, não foi num beco escuro...foi exatamente no percusso entre estacionar e entrar no shopping. No paredão entre a entrada principal e a saída para João Durval, não tive na hora a ideia de olhar aqueles números q identificam o estacionamento. Mas isso não vem ao caso...e também não vem ao caso a violência que se instaurou na nossa cidade onde todos os dias bolsas e celulares são tomados nas ruas, em diversos bairros.

Nada vai apagar os segundos de desesperos que passei com minha filha de 10 anos, encurraladas contra a parede enquanto um vagabundo me tomava a bolsa, com uma faca em punho...assim como o prejuízo material não teria importância, o que não ocorreu pois outros clientes abandonaram seus carros e correram atrás do bandido, quando ele foi em direção a avenida, e outros anjos que passavam conseguiram recuperar meus pertences.
A questão é, agora já com a cabeça fria, imaginar que apesar de não ter havido perdas materiais, eu poderia não estar viva agora pra contar. A questão é saber que as pessoas normalmente deixam de comprar no centro da cidade e vão ao shopping em busca de segurança e conforto, pagando até mais caro por isso.

Quando passamos por algo assim é que notamos que na verdade não há segurança alguma. Alguém ver seguranças em quantidade suficiente fazendo algum tipo de ronda no estacionamento? Do mesmo jeito que foi minha bolsa, esse bandido poderia ter quebrado o vidro de qualquer carro naquele local e levado o carro ou o que tivesse dentro; ou ainda o carro do cidadão que parou no exato momento na vaga em frente e começou a gritar "pega ladrão". Ninguém perceberia, como no meu caso que o segurança só percebeu quando já tinha mais de cinco pessoas gritando e correndo atrás dele. E quando voltamos todos com os pertences recuperados, a equipe de segurança estava lá aguardando apenas para perguntar o ocorrido, oferecer água para acalmar e dizer que estavam ali para o que eu precisasse, até mesmo me escoltar para pegar um táxi pra casa, bonzinhos não? Sem derramar um pingo de suor para proteger os seus clientes.
É esse tipo de serviço que devemos pagar caro para receber? É esse tipo de lugar onde colocamos o carro e achamos que estamos seguros?

Eu me considero uma pessoa atenciosa e sempre ligada nos perigos que infelizmente temos que conviver atualmente, essa questão de segurança pública é assunto para mais de décadas, mas ao entrar num estabelecimento desse tipo, é comum que tenhamos a sensação de ali estarmos protegidos. E assim eu me sentia em qualquer shopping. Para minha infeliz surpresa, ao conversar com diversos conhecidos que tenho por lá, em várias lojas, já que sou frequentadora assídua, descobri que vários e vários assaltos ocorrem ali, inclusive pequenos roubos nos corredores e nas lojas...celular no bolso de trás da calça por exemplo, é alvo fácil dos bandidinhos lá dentro nos corredores, mas nada acontece e nem é noticiado.

Até quando?

Comentários do Facebook
0 Comentários do Blogger

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião me interessa! Obrigada!



Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *